11129278

11129278

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Memória - Adalgisa Raphael Gomes






















......................................................................................................................................................................

...........................
Dona Adalgisa Raphael Gomes
.....................
Filha do Sr. João Ferreira Gomes e de Dona Áurea Teixeira de Vasconcelos Raphael, nasceu na lendária Fazenda Cacimba Nova, cantada e imortalizada em verso e prosa por diversos poetas e músicos. Dona Adalgisa Raphael era neta pelo lado paterno de Dona Honorata Arcelina de Jesus e do Coronel José Gomes dos Santos da Fazenda Caiçara - Jabitacá - PE, e pelo lado materno do Ex Chefe Político e Prefeito de Afogados da Ingazeira - PE, Coronel Paulino Raphael da Cruz da Fazenda Varzinha, também em Jabitacá, Município de Iguaraci - PE. Católica fervorosa, foi um exemplo de bondade e humildade. Amiga dedicada de todos, deixa um exemplo digno de ser relevado e guardado por todos aqueles que tiveram o privilégio de conhecê-la e privarem da sua convivência e amizade. Descendente de duas importantes famílias pernambucanas - Gomes dos Santos e Raphael que se destacaram na povoação das regiões do Pajéu e do Moxotó em PE., e do Cariri na Paraíba, era um valioso arquivo vivo da cultura de um "Coronelismo cristão" onde a caridade e a solidariedade era a sua maior virtude. Da minha parte e da minha família, como primos e amigos, fica a nossa homenagem nessa singela postagem em sua saudosa memória.
............................
........................................................................................................... Marcos Cordeiro
..............................
Bilhete quase elegia para Adalgisa Raphael
...........................
Daqui dessa cidade
tão distante, te remeto
inutilmente contrafeito,
o meu pesar neste poemeto,
colhido inteiro no canteiro
das saudades.
...............
Para ti, sei que é pouco,
porém, mesmo de longe,
entre cigarras e pássaros,
recitarei, como se um monge,
este poema e do livro santo:
os salmos.
................
Sei que distante estás
com minha mãe e os teus,
por entre bosques e verbenas,
louvando por nós a Deus.
Feliz com eles cantarás
e com Jesus e Maria
ficarás.
............

2 comentários:

  1. Como um Rafael, associo-me ao pesar pelo passamento de Adalgisa Rafael, que tive o prazer de conhecer em julho de 2008, no nosso passeio, Marcos, a Monteiro.

    ResponderExcluir
  2. imensa saudade da inesquecível tia Adalgiza nossa titia querida, estará para sempre em nossos corações.

    ResponderExcluir